#8337-Blog-02—História-do-painel-solar

O Sol é a primeira e mais importante fonte de energia do ser humano. É ao redor de sua luz que alinhamos nossos dias, renovamos nosso corpo e vivemos. A relação do ser humano com a energia vinda do sol data de tão longe quanto o século VII a.C. Hoje, a tecnologia permite a existência de painéis otimizados na absorção e produção da energia solar, mas nem sempre foi assim. Leia agora uma breve história do painel solar.

 

Uso no cotidiano

Um dos primeiros registros de uso da energia do sol data do século VII a.C, quando ela era utilizada através de espelhos para acender fogueiras. Já no século III a.C, romanos a usavam de maneira parecida para acender tochas. Os chineses também empregaram essa técnica em registros dos anos 20 d.C.

Outra técnica que foi utilizada também nos primórdios da humanidade era o conceito de “salas solares”, janelas gigantes que concentravam a luz do sol em um único ponto. O povo indígena Anasazi, nos anos 1200 d.C, acomodava-se em casas assim para captar a luz do sol no inverno. Existem ainda outras maneiras de usar energia solar que o ser humano providenciou através dos séculos, como barcos a vapor ou captação de energia para viagens, e todas estas técnicas proporcionaram a criação do painel solar.

 

A história do painel solar

A criação do painel solar é fruto do trabalho de diversos pesquisadores, porém, o cientista creditado como descobridor do efeito voltaico, que é a base do funcionamento da célula solar, é Alexandre Edmond Becquerel, no ano de 1839. Este achado contribuiu para o desenvolvimento dos primeiros módulos fotovoltaicos de selênio.

Foi no ano de 1873 que o engenheiro elétrico Willoughby Smith descobriu a propriedade fotocondutiva do selênio, o que proporcionou outros feitos. Três anos mais tarde, William Grylls Adams e Richard Evans Day idealizaram que o selênio cria eletricidade se exposto à luz solar. Mas foi só no ano de 1883 que Charles Fritts conseguiu produzir a primeira célula solar feita de camadas de selênio. Por conta disso, é creditado a ele a descoberta de módulos fotovoltaicos, ou seja, os painéis solares.

Hoje, o material utilizado nos painéis é o silício, não o selênio, pois a eficiência na conversão da luz solar é maior com essa matéria-prima. Quem descobriu a respeito deste elemento foram três cientistas no ano de 1954: Calvin Fuller, Gerald Pearson e Daryl Chapin.

A primeira vez em que painéis solares foram usados na captação de energia foi no espaço, no ano de 1958, no lançamento do satélite Vanguard I. A partir de então, a energia solar seguiu crescendo e hoje é uma realidade e uma alternativa viável para produzir.

Esta é uma breve história do painel solar, uma tecnologia que segue evoluindo constantemente. Gostou de conhecer um pouco mais sobre o assunto? O que será que pode vir no futuro? Fique ligado em nossos Blogs, pois sempre estamos trazendo novidades a você!

Leave a Comment

Your email address will not be published.