WhatsApp Image 2018-11-05 at 14.35.21

O horário brasileiro de verão começou a valer a partir da primeira hora deste domingo (04). Por conta disso, os moradores de dez estados e Distrito Federal adiantaram em uma hora os ponteiros do relógio, com o objetivo de reduzir o consumo de energia elétrica entre às 18h e 21h, já que este período é considerado o horário em que a energia elétrica chega ao seu pico, tornando-se assim, uma tarifa mais cara.

Segundo balanço do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), entre 2013 e 2016, houve uma redução de 63% na economia de energia elétrica no país durante o horário de verão. Além deste fator, o sistema implantado pelo Governo Federal também tem como finalidade conscientizar a população em relação ao melhor aproveitamento da luz natural.

Entretanto, o horário de verão no Brasil dura em torno de quatro meses e com o passar dos anos, novas tecnologias surgiram permitindo que a luz do sol fosse aproveitada por muito mais tempo.

Uma alternativa eficaz

(Foto: Renovigi)

Você já pensou que essa luz natural existe em nosso país, praticamente, todos os dias? Por que não economizar o ano todo com a energia gerada pelo sol?

O sistema fotovoltaico oferece isso para você! Com a instalação, é possível reduzir até 95% da sua conta elétrica mensalmente devido a geração de energia por meio da captação da luz do sol.

A energia solar ainda contribui para economia durante o horário de verão. Com o acúmulo de energia ocasionado pelo baixo consumo neste período, você consegue reutilizar nos outros meses do ano, garantindo assim mais uma redução de custos para o seu bolso.

Afinal, a expectativa é de que em um futuro próximo a produção de energia renovável no Brasil (e no mundo) seja de forma totalmente autossustentável.

 

E então? Preparado para investir na sua economia?

Converse com um dos nossos credenciados, montaremos juntos alguns orçamentos, verificaremos as linhas de crédito possíveis para suprir as necessidades de seu empreendimento, tudo da melhor forma, que tal?

Acesse e receba um orçamento sem compromisso: http://bit.ly/economize-na-energia

Leave a Comment

Your email address will not be published.